FIFA 19 e a importância das Mulheres no Jogo

FIFA 19 e a importância das Mulheres no Jogo

O futebol feminino está ganhando forças com uma velocidade impressionante no mundo todo e a evidência está em todos os lugares. A UEFA aumentou os investimentos no futebol feminino em 50% e a FIFA está se engajando em uma iniciativa mundial para aumentar a participação de mulheres.

FIFA 19 fez história ao incluir Kim Hunter, seu primeiro personagem feminino jogável da série em A Jornada: Campeões*.

“A Kim Hunter como personagem foi especial para toda a equipe. Ele representa um avanço importante, não só para o FIFA como um jogo, mas também para o futebol. Ter a oportunidade de criar uma experiência que oferece uma nova opção para as jovens do mundo todo que adoram o esporte, bem como uma visão real sobre os desafios que as mulheres do futebol enfrentam dia a dia foi importante e realizador”, explicou Matt Prior, Produtor de FIFA 19.

A equipe de desenvolvimento do FIFA esteve muito concentrada em representar precisamente as mulheres durante o desenvolvimento da trilogia A Jornada. “Desde o início, quando começamos a pensar sobre o modo história do FIFA, já queríamos que ele representasse a diversidade”, afirmou Katie Scott, designer de jogos sênior.

A ideia de acompanhar onde e como as mulheres são representadas na mídia ganhou popularidade recentemente com o Teste de Bechdel. Parâmetros que melhoram a representatividade como o Teste de Bechdel são importantes para a equipe do EA SPORTS FIFA. A diversidade e a inclusão se tornaram fundamentais para o processo criativo da equipe por inúmeros motivos. A mídia possui o poder de ajudar as pessoas a enxergarem fora de suas bolhas. Também temos o lema da EA SPORTS: “It’s In The Game” (Está no Jogo). As mulheres jogam futebol no mundo real, e todos os títulos da EA SPORTS tentam retratar o jogo da forma mais precisa e realista possível.

Ao analisar cada cena, Scott notou a ausência de mulheres nos escritórios, nas áreas de treinamento, nos corredores de estádios e até mesmo durante uma partida entre mulheres onde não havia nenhuma personagem feminina na cena de fundo. Houve uma sensação de que os personagens femininos não tinham os recursos apropriados ou atenção dedicada a elas, transformando-as em personagens superficiais ou sem autenticidade.

Após reunir esses fatos e dados, Scott desenvolveu uma avaliação de diversidade. A avaliação encorajou as pessoas a pensarem sobre a verdadeira diversidade durante a criação de histórias, personagens e produtos. “Essas declarações foram bastante compartilhadas por toda a EA e animou o pessoal”, explicou Katie. “Elas finalmente nos ajudaram a compreender três coisas importantes. O que estamos fazendo para garantir a representação de diferentes demografias de forma autêntica? Estamos transmitindo algum viés de forma inconsciente por meio das nossas histórias de jogo? E com qual frequência visamos as histórias das minorias em nossos jogos”?

Com tudo isso em mente, a diversidade e a inclusão foram consideradas tão importantes quanto o orçamento e a experiência do usuário em A Jornada: Campeões. “Foi assim que acabamos criando essa personagem incrível, a Kim Hunter”, disse Scott. “Uma personagem feminina autêntica que é forte, sincera e real”.

Mulheres foram consultadas sobre vários aspectos do roteiro e da história, o que gerou conversas sobre as mecânicas de jogo de Kim. Ela é uma personagem muito diferente de Alex Hunter, e o jogo precisaria reconhecer isso. Ela vive em um mundo diferente onde sua idade e personalidade são os aspectos de como ela se comunica. Onde Alex seria ousado ou tranquilo, Kim poderia ser tanto imprudente quanto nerd. Além da personalidade, ajustes foram feitos em campo também. A equipe deu mais atenção aos movimentos reais de jogadoras do futebol feminino, especialmente em cenas cinematográficas.

“Nós já tínhamos adicionado o futebol feminino ao jogo no FIFA 16 usando movimentos reais”, disse Scott. “Este ano, fizemos um grande investimento em animações reais femininas das cenas cinematográficas para fazer jus ao nosso incrível jogo.”

A diversidade e a inclusão possibilitam a inovação, criando oportunidades para cada funcionário contribuir mais e atingir seu potencial máximo, oferecendo uma experiência maravilhosa aos jogadores.

Apaixonado por jogos desde sempre.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*