Kritika Reboot: É hora de conhecer os poderosos guerreiros do novo MMORPG da Ongame

Com lançamento marcado para o final de junho, MMORPG de ação estilosa desenvolvido pela Allm conta com mais de 28 estilos de jogo únicos

Ongame Entretenimento revelou hoje novos detalhes sobre Kritika Reboot, o mais novo, explosivo e veloz MMORPG a ser publicado pela companhia no Brasil – e que chega até o final de junho gratuitamente para PC. Desenvolvido pelos estúdios da Allm na Coréia do Sul, o título ficou famoso internacionalmente por transformar os limites de seu gênero, apresentando-se como um estiloso e rápido game de ação situado no tumultuado mundo de Kritika, lugar onde misticismo e tecnologia se misturam para descobrir os mistérios da calamidade que inundou o mundo no passado.

Em antecipação ao aguardado lançamento, a Ongame detalhou um pouco mais sobre a abundante variedade de classes do game e como cada uma se transforma ao longo da jornada. Em Kritika Reboot, sete das dez classes disponíveis contam com a possibilidade de irem além, assumindo versões ainda mais poderosas conhecidas como Especializações, contabilizando mais de 28 estilos de jogo únicos para os jogadores dominarem e fazer chover destruição em seus inimigos. Confira alguns exemplos!

Monge: Reforçando a justiça na base dos próprios punhos. O monge é o avatar do equilíbrio, combinando velocidade, destruição e precisão em um pacote só. A classe pode parecer simples à primeira vista, porém o impressionante potencial para combos virtualmente infinitos posicionam a classe como uma ótima escolha para todas as situações.

Conforme os jogadores progridem pela história, o Monge poderá se transformar em três versões totalmente distintas:

Discípulo Cósmico: Focado em atacar os inimigos à distância, o Discípulo Cósmico canaliza a energia dos astros em poderosas rajadas de luz pulverizando todos aqueles que se colocarem a sua frente.

Devoto Sombrio: Abraçando o lado animal das artes marciais, o Devoto Sombrio emerge das forças da escuridão que compõe o espírito humano para fortalecer seu corpo como os deuses do passado, tornando-se o verdadeiro mestre do combate corpo-a-corpo.

Andarilho do Vapor: Como um avatar do equilíbrio, o Adarilho do Vapor domina tecnologias passadas como se estas fossem uma extensão de seu corpo, posicionando-se sempre um passo à frente de seus oponentes com velocidade incomparável.

Além disso, o novo game também conta com as classes sem especializações. Igualmente poderosas, as classes sem especializações condensam todo o poder de destruição do sistema de especializações em um personagem só, rico em habilidades que o preparam para as mais diversas situações. É o caso da imprevisível Anímica.

Anímica: Combinando magia e tecnologia ancestral, a estonteante Anímica dança pelo campo de batalha empunhando suas pistolas e lâminas mágicas em um verdadeiro furacão de energia. Definindo o lema “Fácil de se aprender, difícil de se dominar” como ninguém, poucas classes se mostram mais engenhosas como a Anímica quando o quesito é limpar o campo de batalha

Comentarios

2 Comentários

  1. Dragon Nest BR foi embora e deixou saudades. Tudo bem que agora graças a ganancia desenfreada de sua desenvolvedora ficou impossível jogar DN.

    Agora teremos em português um dos melhores MMORPG´s P2Win de ação dos últimos tempo. Diferente do jogo de Android que o jogo valoriza o seu jogador com diamantes grátis e eventos que você ganha diamantes a rodo. Kritika Reboot é puro P2Win sem energia. A única vantagem da nova versão é o fim da energia que era um fator limitador presente em vários jogos.

    A única vantagem para o jogador é a ação frenética do jogo. Ação e luta sem parar.
    Kritka é um dos únicos jogos de MMORPG ao lado da última versão de Dragon Nest, aquela que veio para o Brasil, que vale a pena ser jogado.

    Agora Nem DN vale a pena ser jogador graças as modificações ignorantes no jogo e que o tornaram puro “hard” e assim P2Win.

    Tenho grandes perspectivas para Kritika Reboot em português.
    Será o momento de trazer a luz a minha antiga guilda do Android e que crescia e que por burrice eu abandonei no Android.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo